Atualizado 01h22 Sábado, 07 de setembro de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Cultura

Armações sórdidas pela fama

1043 acessos - 2 comentários

Publicado em 20/05/2008 pelo(a) Wiki Repórter Lorena Lee, São Paulo - SP



Mônica Veloso e as filhas. - Foto: web
Dizem que as celebridades relâmpago fazem de tudo para continuar aparecendo na mídia. E esse "tudo" pode incluir t-u-d-o mesmo. Qual não foi minha surpresa quando chego ao Brasil, após uma temporada na Polinésia Francesa, e me deparo com a revista Caras, cuja capa trazia estampada Mônica Veloso e as filhas. Estava no meu salão de beleza preferido, ansiosa para entregar minhas madeixas, mãos e pés aos cuidados da equipe da Neide, mas não pude controlar minha indignação. Pedi 10 minutinhos para a manicure, para ler o artigo.

Tudo bem que, como dizem, brasileiro tem memória curta. Mas amnésia já é demais. Lembro bem que quando eclodiu o escândalo envolvendo a jornalista e o ex-presidente do Senado Renan Calheiros, Mônica declarou aos quatro ventos que jamais iria expor sua filha, fruto de uma relação clandestina entre ela e o político. Na ocasião, foi mesmo o que aconteceu. No meio da polvorosa, Mônica não perdeu tempo: posou para a Playboy, concedeu zilhões de entrevistas para rádios, TVs, jornais e revistas e lançou livro. Por último, estreou um programa sobre carros no SBT. Alguém já ouviu falar no Vrum? Pois bem, se não ouviu, assistir muito menos. Quando vi a Caras, imediatamente associei a história toda.

Essa coisa de querer aparecer na mídia a todo custo é como sarna em cachorro de rua. O duro é quando se usa uma criança de quatro anos para fazê-lo. E a armação parece mesmo que está dando certo. Na revista, dona Mônica fala orgulhosa de sua relação com a filha bastarda (pode parecer pejorativo, mas este é o nome que se dá para filhos fora do casamento), Catharina, e também com Luiza, de um relacionamento anterior. "Ela tem os olhos e o nariz do pai", diz. Num outro trecho, afirma: "Minhas filhas estavam muito presas em casa. Chega!".

Entendi. "Soltar" os filhos, significa, então, expô-los na mídia. Tenho pena da criança, que não entende nada disso.

Que nojo!

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Lorena Lee
São Paulo - SP



Comentários
01
Reporte abuso
Cid
Brasília 27/05/2008

Realmente é um nojo. Mas tem gente que acha que essa fulana é uma espécie de heroína. É lamentável que uma "pistoleira" seja exemplo para qualquer tipo de pessoa, mesmo as antas que a consideram uma coisa especial. Só podemos lamentar e torcer para que essa criança, no futuro, não saiba o que foi a mãe dela, e também o pai.


 
02
Reporte abuso
nois é nois
nois 21/05/2008

Quem nasceu Magdalena, jamais chegará a Mônica,entendeu ou preciso pedir permissão aos responsáveis do BrasilWiki??


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br