Atualizado 01h22 Sábado, 07 de setembro de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Política

Ministério da Integração Nacional: uma máquina a serviço de Fernandão e Fernandinho

445 acessos - 1 comentários

Publicado em 08/01/2012 pelo(a) Wiki Repórter Júlio Ferreira, Recife - PE



-> - Foto: WEB
Quando costumo dizer que “todos os políticos são farinha do mesmo saco”, baseio-me em fatos como o que ora está acontecendo na Câmara dos Deputados, onde existe um enorme “burburinho” a respeito das liberações das verbas relativas ao magnífico volume de “emendas parlamentares” do deputado Fernando Bezerra Coelho Filho (PSB-PE) liberadas pelo Ministério da Integração Nacional, dirigido pelo seu “paipai”, o ministro Fernando Bezerra Coelho.

Trata-se de um evidente caso de privilégio em favor do jovem deputado pernambucano, que em seu primeiro mandato consegue a façanha de ter sido o único congressista que teve todo o dinheiro empenhado junto ao Ministério da Integração Nacional devidamente liberado, superando, de longe, TODOS os outros 219 parlamentares que também haviam solicitado recursos a pasta gerida pelo ministro Fernando Bezerra Coelho (será que alguém acredita em coincidência???).

Minha revolta contra os políticos que “batem no peito” clamando para serem incluídos na “reserva moral” do Congresso, é que nenhum deles, mesmo diante de um claro episódio no qual a máquina pública foi cinicamente usada em favor de “projetos eleitoreiros”, têm coragem cívica de externar para a opinião pública, de forma clara e objetiva, o fato de que o tal deputado privilegiado pela liberação das emendas não passa de um preposto do pai, que em 2006, quando resolveu deixar a Câmara dos Deputados, para atender a outros interesses políticos, aproveitando-se do “coronelismo” ainda em voga no Brasil, escolheu “Fernandinho” para ocupar “seu espaço”, o que faz com que, ao liberar as emendas propostas por seu “rebento”, o ministro estivesse,  na prática, simplesmente “agindo como se liberasse suas próprias emendas”. (ALGUMA DÚVIDA???)

(FONTE -> www.ex-vermelho.blogspot.com/)

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Júlio Ferreira
Recife - PE



Comentários
01
Reporte abuso
nois é
sp-sem medo de ratos--hoje em dia com algum receio- 08/01/2012

Tem o ditado que diz,onde há fumaça tem fogo,nesse caso parece mais incendio e não um simples foguinho,antigamente a gente antes de condenar alguém dizia--ele é supostamento um dos envolvidos no caso,com o avanço da porca política arraigada pelo Brasil inteiro vamos nos finalmentes---com certeza tem Gato na Tuba---Sería o "ministro o sucessor de Carlos Lupi" DILMA EU TE AMO--na primeira tentativa não adiantou nada,quem sabe ela possa retroceder no tempo e virar ROMANTICA_


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br