Atualizado 17h59 Terça, 25 de outubro de 2011   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Chuá, Chuá (Cascatinha e Inhana)
Publicado em 25/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Solamente Una Vez (Julio Iglesias)
Publicado em 25/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Hino da Índia
Publicado em 25/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Política

Comunicações: Pelo fim do "coronelismo mediático"

128 acessos - 0 comentários

Publicado em 13/07/2011 pelo(a) Wiki Repórter Gerson, São Paulo - SP



  - Foto: Facasper.com
Gérson Siqueira

O alarme já foi dado: 52 deputados e 17 senadores, num total de 69 parlamentares, detêm hoje a concessão de rádios e TVs no Brasil. As concessões não são algo novo no universo mediático brasileiro. Elas têm sido moeda de troca desde o regime militar (o próprio SBT foi doação do presidente Figueiredo), que necessitava então de se consolidar através de uma legião de “simpatizantes”.

Esse foi o resultado da pesquisa feita pela Transparência Brasil, organização não-governamental que fiscaliza a transparência no País. A pesquisa lança luzes sobre a incompleta (e obscura) lista de concessões publicada no dia 30 de maio deste ano pelo Ministério das Comunicações (Minicom). Como sempre acontece, a legislação brasileira continua só no papel. O artigo 54 da Constituição proíbe deputados e senadores de serem proprietários, controladores ou diretores de concessionárias e de pessoas juridicas de direito público.

Enquanto um punhado de minúsculas rádios são caçadas como ratos no esgoto através de entraves burocráticos mantidos pelo governo e impedidas de exercer o livre direito de sua cidadania, 6.477 Tvs e 1.485 rádios comerciais, a maioria ligadas de forma direta ou indireta a grupos empresariais e políticos continuam funcionando normalmente.

Coberto de razão está o presidente João Brant ( foto), do Coletivo Intervozes, que defende a democratização dos meios de comunicação. A sociedade precisa se unir, sem demora, para por um fim ao “coronelismo mediático”.

Gérson Siqueira, é jornalista. Blog: www.gersonjornalista.wordpress.com

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Gerson
São Paulo - SP



Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2011. Brasil Mídia Digital

jb.com.br