Atualizado 18h09 Quarta, 26 de outubro de 2011   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

El Condor Pasa (Andy Williams)
Publicado em 26/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Encontro das Águas (Jorge Vercilo)
Publicado em 26/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
As Cores das Flores (Uma Lição de Vida)
Publicado em 26/10/2011 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Política

Reincidente

115 acessos - 0 comentários

Publicado em 23/05/2011 pelo(a) Wiki Repórter Soares, Divinópolis - MG



Palocci traz para dentro do governo uma crise que certamente nem o mais pessimista dos petistas esperava, tão cedo. - Foto: Edição Soares
REINCIDENTE
O ministro Antonio Palocci, ao que tudo indica, é reincidente. Afastado do governo em 2006 por mau comportamento, volta ao noticiário sob a suspeita de enriquecimento ilícito, após a divulgação de que nos últimos quatro anos, período.em que exerceu o cargo de deputado federal, teria multiplicado por 20 o seu patrimônio.

Pressionado pela oposição, e cobrado pela Procuradoria Geral da República, Palocci não se dignou a esclarecer de que maneira conseguiu o milagre da multiplicação do patrimônio, e quais foram as atividades que lhe propiciaram esse milagre.Enquanto o ministro permanece mudo, seus áulicos foram a campo para tentar explicar o, até agora , inexplicável. E só conseguiram aumentar a dúvida a respeito da licitude das atividades de Palocci na iniciativa privada.

Sabe-se que na segunda metade do governo Lula, o então poderoso ministro da Fazenda foi forçado a desembarcar do governo no bojo do escândalo de "República de Ribeirão Preto", que culminou com a quebra do sigilo bancário do caseiro Francenildo. Fora do governo, Palocci não esteve longe do Poder.

Com trânsito livre nos principais gabinetes da República, o atual ministro da Casa Civil não se furtou a usar de sua influência e de suas informações na área econômica para alavancar a sua empresa de “consultoria”.Através da “Projeto” Palocci fazia lobby e patrocinava interesses de seus poderosos clientes junto ao governo federal.O quão escusos eram esses negócios é o que vem despertando o interesse da opinião pública, da oposição e da Procuradoria.

Ações como as empreendidas por Palocci não são novidades. Sabe-se que o Estado brasileiro, pelo seu gigantismo, complexidade, e, sobretudo, irracionalidade, se esmera em dificultar a vida de cidadãos e empresas com uma infinidade de normas e barreiras burocráticas. Criar dificuldade para "vender" facilidade tornou-se, pois, uma rendosa prática de agentes públicos desonestos.

Políticos de todos os calibres se aprofundam nessa atividade que proporciona a muito deles um enriquecimento inexplicável aos olhos da maioria dos cidadãos, que labutam honestamente, com sacrifício, e sob o peso esmagador da carga tributária. Empresas de consultoria e afins, como a de Palocci, que não vão muito além de despachantes de luxo, se multiplicam, a facilitar empregos, empréstimos, licitações e contratos, num ambiente de explícita promiscuidade entre o público e o privado.

Diante das denúncias, a oposição se movimenta na tentativa de conseguir colher as assinaturas necessárias para a instalação de uma CPI mista no Congresso. Tarefa difícil, quando se sabe que a instalação de uma Comissão de Inquérito requer o apoio de171 deputados e 27 senadores. Os quatro partidos oposicionistas - PSDB, DEM, PPS e PSOL- têm menos de cem deputados, e somente 18 senadores. Nesse caso, somente uma pressão da opinião pública pode fazer os deputados mudarem de idéia.

Mas, o que mais compromete o ministro, mais até do que a própria gravidade das denúncias, é o seu insistente e constrangedor silêncio. Isso pode ser fruto da arrogância de quem se acha inatingível, e, portanto, não devedor de satisfações aos pobres mortais, ou de quem tem algo de podre a esconder. Se suas atividades na consultoria eram límpidas, transparentes e honestas, nada mais fácil do que abri-las ao conhecimento do grande público.

O ministro da Casa Civil permanece calado e, por enquanto, conta com a blindagem governo. Blindagem que, a continuar, vai comprometer parlamentares, ministros e a própria presidente com uma causa duvidosa. Palocci traz para dentro do governo uma crise que certamente nem o mais pessimista dos petistas esperava, tão cedo.

http://blogdofasoares.blogspot.com

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Soares
Divinópolis - MG



Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2011. Brasil Mídia Digital

jb.com.br