Atualizado 13h19 Quinta, 22 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Economia

Bye bye Brasil

654 acessos - 1 comentários

Publicado em 29/11/2009 pelo(a) Wiki Repórter jobsandvisas, São Paulo - SP



 Você sabia que temos hoje entre 5-6 milhões de brasileiros no exterior e que maioria deles em situação irregular, ou melhor dizendo, clandestinos?

Você sabia tambem que estes mesmos brasileiros enviam de volta para o Brasil mais de 5 bilhões de dolares todo ano? Pois é a pura verdade. Até mesmo o Itamarati já confirmou isto em redes nacionais. Mas o que me chama mais a atençao, além desta grana toda enviada par a o Brasil por estes brasileiros expatriados irregulares,  é que eles são pessoas invisíveis até mesmo pelo nosso próprio governo lá fora, onde, em nenhum um momento, há preocupação com eles. E nem quer saber deles, na verdade. Eles parecem mais ínguas que gente.

De vez em quando um político qualquer aparece na mídia dizendo que vai aos Estados Unidos ou outro país tirar alguns destes expatriados brasileiros da cadeia, e trazê-los de volta para casa - isto depois deles estarem abandonados pelo governo brasileiro e mofando nas celas estrangeiras e pedindo pelo amor de Deus para alguém os ajudarem. Isto porque os nossos consulados brasileiros não fazem este serviço de auxílio. Nem sei o que eles fazem, sabe? Eles mal funcionam, é a pura verdade: uns operam a partir das 13 horas  e fecham as 15 horas, outros abrem 1-2 vezes por semana. Os seus telefones nunca atendem e quando alguém responde é para dizer que "este assunto não resolvemos.. Você tem que falar com o Itamarati...".

Na Europa, a mesma coisa acontece, na Ásia idem, e o mal atendimento é inexplicável. O pouco caso feito pelo nosso governo lá fora é algo que nem devemos falar muito a respeito para não pisar no calo de alguém aqui no Brasil, sei lá. O pobre expatriado brasileiro no exterior fica sozinho e sem suporte legal, social ou físico contrariando a regra e a obrigação de um consulado no exterior. Feito para ajudar o cidadão esteja ele legal ou ilegal em outro país, e não para ignorá-lo simplesmente. Consulados existem  para olharem os interesses de seu povo lá fora.
 
Imagine você que quando um brasileiro falece em um destes países mundo afora, nem o caixão o nosso consulado ajuda a pagar, imagine então eles pagarem uma passagem de avião de volta para casa. Esquece!  

O pobre coitado estava ilegal, com um emprego clandestino, ganhando pouco, e de repente morreu. Ele tem que voltar para casa e seus familiares acabam vendendo tudo o que tem para resolver a compra do caixão e traslado de mais um defunto expatriado brasileiro. Ninguem fala  muito sobre isto na mídia, né? Acho isto um grande absurdo de o nosso governo fazer tão pouco caso de seu próprio cidadão no exterior. Deveríamos já há anos ter criado um sistema de imigração no Brasil e acabar com esta coisa de Polícia Federal tomar conta do sistema de serviço aos estrangeiros no Brasil e até mesmo emissão de passaporte.

Com todo respeiro , estes policiais não sao preparados ou treinados para tal assunto.  Não sabem bulufas sobre imigração barsileira nem internacional, porque para saber requer um treinamento especial por alguém sabedor, conhecedor, entendedor. Necessitam qualificação e não simplesmente passarem em concurso público e pronto, logo vira especialista em imigração.


No Brasil hoje temos por volta de 200.000 estrangeiros legais ( MUITO MAIS ILEGAIS TAMBEM ), trabalhando em grandes empresas nacionais e internacionais e até mesmo grandes estatais como a Petrobrás, maior contratante de estrangeiros no Brasil. São contratados por empresas de recursos humanos internacionais que, sem ninguem saber de nada, ganharam alguma licitação e operam legalmente no Brasil e faturam bilhões na contratação de mão de obra internacional ( QUANTO SERÁ QUE A PETROBRAS PAGA POR TRABALHADOR ESTRANGEIRO CONTRATADO?). Você acha que quem serve as refeições naquelas cantinas imensas para os trabalhadores em uma refinaria de petróleo são brasileiros? Esquece isso meu amigo e minha amiga, para o nosso querido governo, não temos qualificação suficiente para serviço de limpeza, de ser camareiros, de cozinheiro ou nada neste gênero, imagine então trabalharmos como soldador, marceneiro, estruturador metálico... 

Parece até que o Brasil é feito somente de desqualificados...Mas agora estão falando em treinar os brasileiros para a nova descoberta do pre-sal, será que agora vai? Vamos esperar que sim. Mas olha, honestamente, seria tão simples criar postos de treinamento Brasil afora e preparar nosso povo para trabalhar numa boa agora na Petrobras e depois tambem, e ganhar o que estes carinhas pequenininhos asiáticos ganham aqui em dolares americanos. E nós brasileiros, trabalhando lado a lado com eles, ganhando uma miséria em comparação, isto quando passamos em concursos e são obrigados a nos contratar.

Estes trabalhadores estrangeiros saem de seus países contratados, ganhando em dolares  e com direito de ficar no Brasil de 1 a 2 anos com visto temporário de trabalho. E olha que é gente prá dedéu, viu? Ah... estava esquecendo...o preço para cada visto de trabalho temporário destes estrangeiros no Brasil é de R$ 89.71. Dá vontade de rir deste valor irrissório cobrado aos estrangeiros, isto porque o visto de trabalho mais barato para os USA por exemplo  é de US$ 1.000. Isto tem que mudar. Vamos cobrar destes expatriados aqui no Brasil US$1.000 de cada um deles pelo visto de 1 ano e mais US$1.000 por cada ano extra. Olha a grana que receberiamos: 200.000 x US$ 1.000 para 1 ano de visto temporário de trabalho. Se for 2 anos, cobramos mais US$ 1.000 extra. Faz as contas. E ainda mais, milhares de outros estrangeiros no Brasil desejando extensão de vistos de turistas, negócios, treinamento, estudo, intercâmbio etc. E para os milhares de brasileiros que todos os dias saem do Brasil, deveríamos criar um sistema de cobrança como uma taxa que deveriam pagar na saida do Brasil com um registro especial sabendo para onde estão indo e quando estão voltando (isto para os que estão indo com visto temporario de trabalho, estudo, intercambio, sabendo salários que ganharão). 

Os turistas não deveriam pagar taxas para sairem do Brasil, pois são livres de irem e virem e estão gastando dinheiro e não ganhando dinheiro. Mas deverimos  cobrar na emissao do passaporte um valor maior do atual R$ 89.71, que seria desigado para auxílio a este viajante, se algo acontecer la fora.

Um sistema de imigração no Brasil com postos de atendimento espalhados em cidades estratégicas brasileiras e fazer disto um negócio como outros países fazem. Vamos deixar de pensar tão social e tão bonzinho, sempre cobrando R$89.71 para tudo. Hora de posicionarmos como um país crescente economica, social, e políticamente. É hora de reconhecermos os expatriados brasileiros no exterior e lutarmos por eles para regularizarem suas situações de vistos lá fora, e organizar a saída desorientada destes brasileiros todos os dias em aeroportos internacionais brasileiros (mais de 2.000 pessoas ). Maioria sai como turistas e acabam ficando irregulares lá fora. O Brasil não ganha nada com isto. É hora de criarmos um novo sistema de imigração no Brasil urgentemente.


Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
jobsandvisas
São Paulo - SP



Comentários
01
Reporte abuso
Mario
Danbury 30/11/2009

Nem todos que estão no exterior sem documentos são "ilegais" ou "clandestinos", como diz o autor do texto. Muitos chegaram com visto e ficaram, o que os coloca na categoria de indocumentados. É bem diferente da pessoa que atravessam a fronteira a pé.


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br