Atualizado 17h06 Segunda, 13 de dezembro de 2010   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Afegã é chicoteada por fugir de casamento
Publicado em 13/12/2010 pelo(a) wiki repórter dilmamentiras, camboriu-SC
Lula lamenta fim da CPMF
Publicado em 13/12/2010 pelo(a) wiki repórter dilmamentiras, camboriu-SC
Rihanna exibe `corpão´em programa de TV
Publicado em 13/12/2010 pelo(a) wiki repórter dilmamentiras, camboriu-SC
Política

O Irã e o "comunismo talibã"

415 acessos - 2 comentários

Publicado em 23/11/2009 pelo Wiki Repórter Soares, Divinópolis - MG





Lula recebe Ahmadinejad sob protestos. - Foto: Edição Soares

O engenheiro iraniano Mehram Ghorani Nezan, crítico do regime iraniano, disse que o seu país se assemelha a um país comunista, mas com ideologia talibã. De fato, o Irã atua tem muito do totalitarismo comunista, mas embasado na religiosidade extremada do fundamentalismo islâmico.

Por isso, o convite de Lula, prontamente aceito, para que o presidente do Irã, Mahmud Ahmadinejad, visitasse o Brasil, veio acompanhado de muita controvérsia e de protestos. Ao desembarcar nesta segunda-feira, carregando na bagagem uma gigantesca carga negativa, o ditador iraniano será recebido com manifestações de movimentos judaicos, feministas, religiosos, homossexuais, e grupos de defesa dos direitos humanos.E não é para menos: Ahmadinejad é chefe de governo de um dos regimes mais opressores da atualidade.

O big brother iraniano, materializado na figura do Aiatolá Ali Khamenei, líder supremo do país, tudo pode e tudo sabe. A lista de proibições é imensa e abrange todos os aspectos da vida política, social, religiosa da população. Os direitos humanos, especialmente os das mulheres, são acintosamente desrespeitados, a imprensa é rotineiramente censurada, as reuniões e manifestações são reprimidas com violência e os arremedos de eleições são marcados por fraudes grosseiras.

O funcionamento dessa máquina de opressão é da responsabilidade de dois temíveis órgãos de vigilância e repressão: o Basij e o Sepah. A milícia Basij se subordina diretamente ao Aiatolá Khamenei, enquanto a Sepah, ou Pasdaran, é constituído pelos 125 mil membros da Guarda Revolucionária Islâmica, cuja atribuição principal é garantir, ao preço de muitas prisões, assassinatos e torturas, a manutenção do regime revolucionário.

Enquanto no âmbito interno a tirania iraniana procura manter a disciplina do povo sob a força das armas, no campo externo o regime dos aiatolás ganha a antipatia de muitos em razão do seu extremado ódio a Israel e aos Estados Unidos, o seu explícito apoio ao terrorismo e o temor em tantos outros pelo seu agressivo projeto nuclear, no qual não está inserido o respeito às normas e tratados internacionais que defendem o uso pacífico da energia atômica.

Mas não se pode negar que Ahmadinejad e seu regime têm admiradores espalhados por todo o mundo. Na América Latina, recebe a franca solidariedade do venezuelano Hugo Chávez e a simpatia contida de Lula e sua turma. Espertamente, o ditador iraniano sabe que qualquer atitude que resulte na ampliação do apoio internacional, mesmo que restrito, inicialmente, a acordos econômicos, é sempre bem vindo no sentido de solidificar o regime teocrático que domina o País.

A abertura da sala de visitas do Brasil para a entrada de tão nefasta figura dá bem a dimensão do tipo de amigo que o governo petista prefere ter, além de contribuir para aproximar da comunidade ocidental um regime que, pelas suas características, deveria permanecer isolado até cair de podre.

http://blogdofasoares.blogspot.com/


Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo Wiki Repórter
Soares
Divinópolis - MG



Comentários
01
Reporte abuso
henry
rj 24/11/2009

A questão é: como era o Irã, nas décadas de 1960 e 1970? O que aconteceu nos anos 1980? Quem provocou o "surgimento" disso? Aonde estavam os sabidos de hoje naqueles momentos? Isso tudo se chama CAUSA E EFEITO.


 
02
Reporte abuso
flipe
belo horizonte 24/11/2009

E quem devemos chamar para termos como amigo e não se isolar até apodrecer!?


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2010. Brasil Mídia Digital

jb.com.br