Atualizado 13h19 Sexta, 23 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Economia

Estudo revela aspectos do comportamento de idosos no Brasil

6709 acessos - 1 comentários

Publicado em 06/07/2009 pelo(a) Wiki Repórter Terezinha Santellano, Porto Alegre - RS





O estudo "Longevidade Brasil" revela aspectos do comportamento de idosos no País. - Foto: Atelier XT, FLICKR.
O estudo "Longevidade Brasil", coordenado pelo cientista social e ex-coordenador de desenvolvimento da ONU no País, José Carlos Libânio, divulgado no final de junho último, revela aspectos do comportamento de idosos no Brasil. De acordo com avaliação de Libânio, existe atualmente uma mudança de mentalidade da sociedade com respeito aos idosos, que buscam formas saudáveis de envelhecimento e procuram se manter ativos e financeiramente independentes.

O estudo apresenta uma tabulação de dados colhidos em entrevistas realizadas com cerca de 2 mil pessoas das classes A, B e C em seis cidades brasileiras. Os resultados nos revelam algumas informações sobre "situação econômica", opiniões sobre o "processo de envelhecimento" e a "realidade diária" do idoso no Brasil. A "situação econômica" mostrada no estudo nos permite concluir que quatro em cada grupo de cinco idosos são os principais responsáveis pelo sustento da família onde residem. Nas classes econômicas menos favorecidas economicamente essa realidade é bastante significativa, pois o valor percebido como aposentadoria pelo idoso possui um peso considerável na renda da unidade familiar onde o aposentado está acolhido.

Com respeito ao "processo de envelhecimento", 73% dos entrevistados acredita que ser idoso é motivo de tranquilidade. Para 30% dos ouvidos, a velhice é sinônimo de preocupação. A maioria (78%) discorda da idéia que a velhice seja um tipo de doença. Três em cada quatro dos entrevistados consideram que a melhor das características da fase do envelhecimento é poder ser dispensado da rigidez dos horários. O estudo mostra também que para os idosos pesquisados as piores situações decorrentes do envelhecimento são: 1) doenças físicas (53%), 2) ser desrespeitado (20%), e 3) solidão (15%).

Sobre a "realidade diária", a maioria dos entrevistados (80%) concorda que o idoso ainda não é muito respeitado no Brasil. O desrespeito é mais sentido entre as mulheres com mais de 70 anos, da classe C, e que residem em regiões com população de grande longevidade. O ambiente no qual o desrespeito ao idoso é mais sentido é no ônibus, onde os motoristas não demonstram conhecer os direitos dos idosos, os assentos preferenciais ainda são em número reduzido, e na maioria das vezes estão ocupados por pessoas jovens. Foram relatadas também situações desrespeitosas ocorridas em hospitais e nas filas dos bancos, onde não raro os idosos são tratados com descaso e até indiferença.

Neste final da primeira década do século 21, já podemos observar no Brasil uma clara tendência, positiva, sinalizando que os idosos deixaram de sentir-se doentes, inválidos e sem serventia, passando a considerarem-se agora como seres humanos ativos e atuantes, mais conscientes da sua importância econômica e detentores de direitos que devem ser exigidos e respeitados. É uma boa notícia, por tratar-se de uma mudança e tanto!


FONTES DE PESQUISA:

- ’O Estado de São Paulo’, 26/junho/2009. ("Na classe C, 82% dos idosos mantém lar", reportagem de Fabiana Cimieri, p. A17).

- ’Jornal Valeparaibano’ (São José dos Campos, SP), 26/junho/2009. ("Quatro em cada cinco idosos dão sustento à família, afirma pesquisa", p. 7).

- ’Renda de idoso é fundamental para famílias’, disponível em:
http://www.portalodm.com.br/renda-de-idoso-e-fundamental-para-familias--n--125.html

- ’Maioria dos idosos sustenta o lar onde mora, revela pesquisa’, disponível em:
http://www.agenciabrasil.gov.br/noticias/2009/06/25/materia.2009-06-25.3180929635/view

- ’Quatro em cada cinco idosos sustentam a família, diz pesquisa’, disponível em:
http://www.conselhodoidoso.sp.gov.br/sis/lenoticia.php?id=175&c=31


Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Terezinha Santellano
Porto Alegre - RS



Comentários
01
Reporte abuso
asdfadf
Sao paulo 14/09/2010

Achei uma b... esse documento acho q deveria complementar ++.


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br