Atualizado 13h19 Sexta, 23 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Economia

Internet rápida via rede elétrica: como funciona?

4833 acessos - 7 comentários

Publicado em 30/04/2009 pelo(a) Wiki Repórter Didymo Borges, Recife - PE



Os usuários de Internet que têm casa de campo ou de praia ou que vivem de atividade agro-pastoril no interior têm uma grande dificuldade no Brasil para se conectar à Internet. É que a disponibilidade de acesso à rede mundial de computadores em lugares remotos, distantes das grandes cidades, não oferece meios para a conexão.

Mesmo a conexão por rádio só é disponibilizada nas proximidades das regiões metropolitanas e a ligação discada por telefone, só é disponível quando existe telefone fixo por fio. Assim mesmo, quando a ligação discada é possível, o usuário sofre com a má qualidade da ligação devido a vagareza resultante da baixa velocidade de transmissão de dados pela conexão dial-up.


Tal situação se constitui num entrave ao desenvolvimento do uso da Internet já que ampla faixa da população interiorana está impossibilitada de fazer uso dela para o trabalho, pesquisa, entretenimento. Agora, entretanto, uma nova perspectiva surgiu com a possibilidade de uso da rede elétrica para a conexão com a Internet e que foi regulamentada recentemente pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). É que a rede elétrica tem muita ampla capilaridade pelo interior e se constitui num meio de conexão de boa qualidade tendo em vista que elevadas velocidades de transmissão podem ser alcançadas. Além disso, a ligação pela rede elétrica não exige investimento inicial de vulto já que a transmissão é feita pelos fios e cabos já existentes que conduzem eletricidade. A disponibilização de um simples moldem para BPC permite uma ligação de velocidade de transmissão suficiente para quase todas as finalidades.

A ligação pela rede elétrica é conhecida como Broadband Power Line Communication identificada pela sigla BPC. Há muito que a cabeação das linhas de tramissão vêm sendo usada para comunicação pelas empresas de geração e transmissão de eletricidade.

Um dos sistemas usados há longo tempo é o Teletra que se constitui numa comunicação de baixo custo das empresas com linhas de transmissão de alta tensão entre as usinas geradoras e os grandes centros consumidores. O que foi regulamentado agora pela Anatel é a possibilidade deste recurso ser aberto ao grande público usuário da Internet. É previsto, entretanto, que tal recurso de acesso à grande rede mundial de computadores não terá serventia nas grandes cidades onde outros meios, como o cabeamento de telefone e de transmissão por televisão a cabo já são usados.

Assim sendo, o grande público a ser beneficiado pela conexão BPC será o do imenso interior do País. Segundo foi noticiado as empresas de eletricidade apenas disponibilizarão suas linhas de transmissão para a comunicação via Internet. Aí não se sabe se o ideal seria que as empresas de transmissão de eletricidade passassem a disponibilizar, também, o serviço de acesso à Internet e, assim sendo, passariam a competir com as empresas concessionárias de serviço de telefonia bem como com as empresas de televisão por assinatura via cabo.

Mas a mania de adotar regulamentação irracionalmente no nosso País poderá resultar que o serviço de fornecimento de acesso à Internet BPC em banda larga seja feito, também, pelas empresas de comunicação via telefonia. Nesta segunda hipótese a possibilidade de maior concorrência que poderia beneficiar o usuário com preços mais baixos passará a inexistir já que as empresas geradoras e de transmissão de força elétrica não poderiam atuar como prestadoras de serviço para conexão à Internet.


Didymo Borges

---------------------

ENTENDA COMO FUNCIONA A INTERNET RÁPIDA VIA REDE ELÉTRICA
30/04/2009 | G1
Juliana Carpanez


Anatel regulamentou alternativa, que pode ser oferecida ainda em 2009.
Principal vantagem é levar acesso rápido a regiões sem esta tecnologia.

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) regulamentou recentemente a internet banda larga via rede elétrica, que já está sendo testada em cidades brasileiras. A principal vantagem dessa tecnologia, que fornecerá acesso à web pela tomada, é o fato de ela aproveitar uma estrutura já existente para chegar à regiões onde outras alternativas de acesso rápido ainda não estão disponíveis.

Para ser oferecida comercialmente, a internet via rede elétrica (também chamada de BPL, sigla em inglês para broadband over power lines) ainda depende de um acordo entre as empresas de telecomunicações e as concessionárias de energia elétrica. Marcos de Souza Oliveira, gerente de engenharia do espectro da Anatel, acredita que essa tecnologia pode chegar oficialmente ao mercado no segundo semestre de 2009.

Os preços e velocidade desse serviço ainda não estão definidos. Testes já realizados no País mostram que a conexão pode chegar a 21 megabits por segundo (Mbps), mas essa velocidade não será, necessariamente, repassada em sua totalidade para os consumidores.

Para adotar essa alternativa, os futuros usuários de BPL não precisarão fazer substituições no sistema elétrico -- a não ser que ele já esteja bastante deteriorado. O único investimento extra necessário para esse internauta é o modem BPL (com visual parecido ao de uma fonte para carregar bateria de notebooks), que leva a conexão da tomada até o PC.
Estrutura

Oliveira explica que a tecnologia é particularmente vantajosa por dispensar a criação de uma estrutura considerada cara -- como, por exemplo, a de cabeamento -- em regiões do país onde a internet rápida ainda não chega. Isso porque no caso da BPL a transmissão de dados é feita através da estrutura já existente de distribuição de energia elétrica.

Os dados podem ser enviados diretamente do provedor de acesso para a rede elétrica até chegar aos usuários. Também é possível mesclar a forma de transmissão onde já existem outras estruturas: a conexão pode ser feita via cabo a partir do provedor até a região de um prédio. Se o edifício não tiver cabeamento, por exemplo, a conexão pode continuar sendo feita via rede elétrica até os apartamentos.

Para os usuários dessa alternativa, a conta de luz continuará separada daquela referente à web. "Trata-se da mesma estrutura, mas usada para fins diferentes. Em vez de transmitir somente luz, a fiação elétrica também passará a fornecer acesso à internet", explicou o engenheiro da Anatel. Segundo ele, cada tipo de transmissão será feita através de frequências diferentes e, por isso, um serviço não vai interferir.


Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
Didymo Borges
Recife - PE



Comentários
01
Reporte abuso
Adenir da Cunha Ribeiro
Cajati 01/08/2011

Sistema bom, barato e rápido, só que, se pensou que o gasto de energia elétrica vai ser de uma dimensão sem tamanho? será que o mundo está prepardo para tal situação? já que no futuro haverá um volume menor de agua e que a preservação do meio ambiente precisa ser colocado como obstáculo e quem sabe novas usinas elétricas terão que ser construídas, bom, não sou nenhum cientista e preciso que alguém mais capacitado me de esclarecimentos ok? estou aguardando pois será importante, inté mais.


 
02
Reporte abuso
clenilton
nanuque 27/02/2010

Gostaria de receber mais informações.


 
03
Reporte abuso
Nelson H. Pezoa García
Campinas, SP. 07/12/2009

Gostaria de saber quando começaria a funcionar este tipo de internet, tão esperada por muitos, especialmente por os que a temos como única opção.


 
04
Reporte abuso
mauricio dantas
hortolandia 14/10/2009

Olá! Amigos, tenho notado um certo silêncio neste tema, pois sabemos, haverá uma revolução. Porque não darmos início a uma campanha ampla de divulgação para dar chance à sugestão de novos projetos dentro deste assunto tão importante. As empresas de menor e maior portes poderão participar na disputa por neste campo.


 
05
Reporte abuso
anael simoes da conceicao
Salvador 21/06/2009

Gostaria de ter maiores imformações sobre a internet pela rede elétrica e quando estara disponível em Salvador.


 
06
Reporte abuso
yvan silva
miranda ms 29/05/2009

Não vejo a hora de chegar na minha cidade, essa internet é tudo de bom..


 
07
Reporte abuso
ernani
videira santa catarina 11/05/2009

Ótima opção, pois a internet no interior é uma lastima. Estou aguardado.


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br